sexta-feira, janeiro 19, 2007

Da boa vontade e das regras do jogo

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) criou, em nome do equilíbrio dos tempos de antena, uma grelha, que permite uma presença mais assídua nas rádios e na televisão dos movimentos pelo “Sim”.
A lei obriga a uma divisão aritmética dos tempos, mas o facto de existirem 6 movimentos pelo “Sim” e apenas 15 pelo “Não” iria levar a um desequilibro.
(fonte)

4 Comentários:

Anonymous Anónimo escreveu...

Realmente, acho isso uma escandaleira...
Lá porque as pessoas que apoiam o sim, não se organizaram as divisões deixam de ser equilibradas?
Não me parece de todo justo e alguém devia por travam a esta arbitrariedade.
Eram necessárias muitas assinaturas para que um movimento pudesse ter direito a tempo de antena, não será caso para dizer, "Não à muita gente a quer juntar-se ao SIM"

1/19/2007 04:10:00 da tarde  
Anonymous Anónimo escreveu...

Não façam chorar a nossa mãezinha do céu...
Votai "não", porque senão a nossa senhora vem dar tau-tau aos meninos mal comportados que votarem "sim".
E depois o senhor padre zanga-se muito, muito, muito, e deus já não é nosso amiguinho.
O referendo é uma ofensa grave a deus nosso senhor e a democracia é uma invenção do demónio!
O feto já tem um coraçãozinho pronto a amar nosso senhor! Não matem o feto, aliás, a criancinha.
Matem antes as bruxas das abortadeiras, na fogueira!
E não se esqueçam: se o "sim" ganhar, o homicídio/aborto passa a ser obrigatório e a mulher que não praticar um assassinato de criancinha indefesa por ano será presa.
E depois vêm os perigosos esquerdistas verificar se a mulher abortou ou não, e se não abortou eles fazem-lhe muito mal!
Cuidado!
Não ofendam deus nosso senhor porque depois a sua ira será imensa e o aquecimento global ainda vai ser maior e as cheias no inverno e os incêndios no verão são a vingança de deus quando se ofende.
Votai "não" para impedir a ira do todo poderoso, e evitar os incêndios florestais, as cheias, os pobrezinhos e as derrotas do benfica.

Agora, vou rezar um terço pela vida e consagrar o referendo/ofensa a deus à senhora de fátima e aos pastorinhos, para que interceda por nós, e vou desejar a prisão das abortadeiras, que lá é que elas estão bem, as malandras levianas, antes pudéssemos queimá-las na fogueira purificadora!
Depois vou ajudar o senhor padre na missa, tomar os comprimidos e voltar ao manicómio, que já devem ter dado pela minha falta lá...
Ai ai...

1/19/2007 04:13:00 da tarde  
Anonymous Paulo Ferreira escreveu...

É muito curioso como é que uma pessoa anónima pode dizer as bandalheiras que quiser... Ao menos identifique-se (a vergonha se calhar é muita...).

Eu não percebo como é que se confunde a questão do aborto com a Igreja. É uma questão de princípios, mais nada! Quando o caso é a pena de morte, a esquerda também se mexe contra; quando o caso é a tortura aos animais, os ecologistas também se mexem contra. E muito bem! Porque as pessoas e até os animais devem ser protegidos. Não vejo é porque é que uma criança na barriga da mãe não deve ser protegida (ainda por cima está num documento assinado por Portugal que a criança tem direito à protecção antes e depois do nascimento...).

Para além disso ninguém que defende o Não quer mulheres presas. Mas digo mais: uma mulher que aborte com mais de 10 semanas (como alguns dos casos dos abortos que a tal esquerda tanto refere...) continua a ser julgada!!!

Parece-me que é uma questão de valores, mais nada. Para além disso há que ser um pouco educado, e saber respeitar os outros. Já notaram que as pessoas que mais se exaltam são as que defendem o sim? Como é caso do anónimo que escreveu as maiores parvoíces. Não dá um único argumento a favor do sim. Apenas ataca os outros. Não tem a mínima preocupação em tentar dar argumentos (nem válidos nem inválidos), não tem a mínima preocupação em contribuir para o debate, não tem a mínima educação e o mínimo respeito por aquilo em que os outros acreditam... Enfim: o típico apoiante do sim...

Paulo Ferreira

1/19/2007 04:49:00 da tarde  
Anonymous lopes escreveu...

Ó Paulo, o senhor ainda se dá ao trabalho de responder a idiotas?

Bom, só queria dizer que não me interessa nada o tempo de antena. Penso que os votos se conquistam nas sessões de esclarecimento, respondendo às questões práticas que as pessoas têm... NINGUÉM tem paciência para os tempos de antena, meus amigos...

1/19/2007 07:02:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Entrada