domingo, janeiro 28, 2007

Caminhada pela Vida: reportagem







Algumas fotografias da Caminhada pela Vida que foi um êxito!
Segundo a organização, estiveram presentes 25 mil pessoas.
Segundo a Polícia, foram 12 mil manifestantes.
As agências noticiosas de (des)informação dizem que o número ficou pelos 2 mil. Afinal, tiveram que fazer novas contas e - agora - já chegaram às 9 mil. Problemas com as pilhas da máquina de calcular...
Aguardamos os números - bem calculados, a olho e tudo...! - do Bloco de Esquerda e afins.

7 Comentários:

Blogger KNOPPIX escreveu...

No site PÚBLICO.PT, a Polícia estimou em cerca de 2.000 pessoas os manifestantes...
Mas eles querem enganar quem? Foi um grande êxito esta caminhada pela vida e à medida que o tempo passa, é notório que o SIM perde cada vez mais força...
Pela VIDA, sempre!!!!!

1/28/2007 05:31:00 da tarde  
Anonymous Anónimo escreveu...

Gostei especialmente de ver os meninos da extrema direita, com cartazes e tudo. Que ternura. Fiquei foi um pouco baralhada com a visão.

1/28/2007 10:05:00 da tarde  
Anonymous Anónimo escreveu...

Será que os meninos da extrema-esquerda , ex-apoiantes das FP's 25 também a baralham?

1/28/2007 11:04:00 da tarde  
Blogger Vitório Rosário Cardoso escreveu...

Isso dos FP's 25, não eram aqueles meninos de extrema esquerda que viviam e vivem do ódio, terrorismo, da violência, e que punham bombas e matavam pessoas, enfim uns assassinos? Tanta ternura, com que a esquerda preserva tais valores e acções...

1/29/2007 12:04:00 da manhã  
Blogger fernando alves escreveu...

Li num jornal brasileiro que eram 15 mil. Mas claro, a imprensazinha portuga tinha que diminuir o número de modo a enganar os maus incautos.

1/29/2007 01:10:00 da manhã  
Anonymous Anónimo escreveu...

Que giro, "Desperta Portugal", já cá faltava a escumalha nazi-fascista portuguesa que nunca soube muito bem o que defende. Só desprestigiou a vossa manifestação. Porque não se demarcaram daquela "escumalha fascista"? Eles também defendem a vida quando atacam negros e indianos?

1/30/2007 04:42:00 da manhã  
Anonymous Cristal escreveu...

Há posições assumidas em função de interesses vários, como se vê todos os dias, sobretudo do lado do sim porque está ancorado no poder e no exemplo dos "nossos" governantes que, contra tudo e contra todos, querem forçar o resultado para o lado do sim. A mim cada vez me representam menos e cada vez mais me espelho menos neles.
Adiante: vem isto a propósito da manifestação alicerçada de vontade. Há uns a favor do aborto porque sim, porque é moda, porque é a maioria, para não ficarmos "na cauda" da Europa... e outros a favor do não por motivos de ordem moral, religiosa, ou de defesa da Vida.
Quando os campos são conhecidos temos a tentação de suspeitar da sinceridade da opção ainda que seja, de facto, honesta e sincera.
Por isso, acho que é o momento de tirar o meu chapéu ao blog comunista "Bandeira Vermelha" que não tem dúvidas em tomar abertamente partido pelo NÃO, e de desafiar os super-democratas defensores dos "direitos da mulher" ao aborto a dar-lhes voz na TV, na Rádio e nos jornais como fazem todos os dias até à exaustão com as mesmas caras de sempre que aparecem em todo o lado até à náusea!...

1/30/2007 11:02:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Entrada